Interview Warmup: prepare-se para entrevistas de emprego utilizando o Google

0
97
Google
What's Rel?

A multinacional tecnológica Google, fundada em 1998, começou a operar na internet como um mecanismo de busca e hoje apresenta inúmeras ferramentas que favorecem a vida das pessoas diariamente, como é o caso do Interview Warmup.

Após o o drive passar a ser utilizado por grande parte dos universitários para facilitar o armazenamento, a organização e o compartilhamento de arquivos, o Interview Warmup, lançado em 2022, pode ser usado por você que deseja se preparar para a entrevista de emprego.

Para saber melhor do que se trata e como utilizar este instrumento, o What’s Rel? te explica nesse post.

O que é exatamente o Interview Warmup?

Em síntese, é uma ferramenta gratuita desenvolvida com Inteligência Artificial que permite que o usuário possa se preparar para as entrevistas de emprego respondendo às perguntas mais recorrentes, uma forma de “aquecimento para entrevista” como sugere o nome em tradução livre.

Este mecanismo é uma extensão do Google Career Certificate, plataforma de cursos profissionalizantes nas áreas de gestão de projetos, marketing digital, análise de dados E-commerce, suporte em TI, UX design e desenvolvimento de Android. Por conta disso, o Interview Warmup apresenta as opções de entrevista relacionadas às áreas descritas e na área geral, que abrange outras áreas de forma mais genérica, e pode ser manuseado por qualquer pessoa.

Como funciona?

A plataforma disponibiliza cinco perguntas e respostas nas seguintes opções: data analytics, E-commerce, suporte em TI, gestão de projetos e UX design e general. Com o questionário iniciado, é possível responder oralmente ou por escrito, mas, no momento, o sistema opera apenas em Inglês. Que tal aproveitar para praticar o idioma e se antecipar para futuras entrevistas internacionais?

Ao final de cada resposta há uma espécie de feedback em que é possível conferir quais foram as palavras mais utilizadas e se nelas estão presentes os termos adequados, como “analisar as métricas”, que é recomendado para responder questões sobre gestão de projetos. Além disso, na opção talking points, as partes das respostas que estão atribuídas às suas experiências, habilidades, objetivos, interesses e aprendizados ficam destacadas.

Quais são os critérios para realizar as perguntas?

Em todas as opções, as perguntas realizadas estão divididas nas três seguintes formas:

  • Background questions

As background questions analisam suas experiências. Logo, aparecerão perguntas relacionadas ao seu nível educacional, seus últimos trabalhos e até mesmo seus interesses e objetivos. Aqui, a intenção é compreender se seu perfil está alinhado com o que a empresa busca, portanto, inclui perguntas como “quais são seus objetivos profissionais nos próximos cinco anos?”.

  • Situational questions

Nas situational questions, você deve contar como lidou com situações passadas e como irá lidar futuramente. Suas respostas irão demonstrar quais habilidades possui e como elas são reveladas ao encarar possíveis desafios que a profissão demanda. Portanto, podem surgir perguntas como a clássica “Conte-me sobre um momento em que você apresentou resultados apesar de um ambiente desafiador”. O que você responderia?

  • Technical questions

Como o nome sugere, estas questões averiguam suas habilidades mais técnicas e de que forma seriam aplicadas em determinada situação, mas não deve ser confundida com as perguntas situacionais, já que não se trata de um desafio, necessariamente. Na área de gestão de projetos, por exemplo, uma das techincal questions é “Imagine que você está trabalhando com projetos ágeis. O que faria para executar um projeto?”.

Agora que você já sabe do que se trata e como utilizar o Interview Warmup, vale ressaltar que por ser uma ferramenta recém lançada, alguns pontos podem ser melhorados, como:

  • Feedback

O retorno é concedido apenas em cada resposta; ao concluir a entrevista, são disponibilizadas somente as perguntas e respostas para imprimir ou copiar e colar em algum documento; Aqui no What’s Rel? já foi mencionada a importância de ter um feedback detalhado para saber exatamente o que deve ser aprimorado ao participar em um processo seletivo e assim conquistar a contratação nas próximas oportunidades.

  • Poucas opções

Embora as áreas correspondam aos cursos do Google Career Certificate, seria interessante poder realizar questionários em mais áreas de atuação. Nós, internacionalistas, adoraríamos responder perguntas relacionadas ao cargo de analista de negócios internacionais, por exemplo. Além de ser uma ótima forma de entender melhor o que cada cargo demanda e de percebermos se queremos isso realmente.

  • Idioma

O Inglês é amplamente difundido pelo mundo todo atualmente e para nós, que atuamos nas relações internacionais, é essencial ter domínio do idioma. No entanto, a adaptação para outras línguas permite que um público muito maior tenha a mesma oportunidade de se desenvolver profissionalmente.

  • Baixa divulgação

A ferramenta possui grande potencial, mas seu alcance ainda é baixo e necessita maior divulgação nas redes sociais para que as pessoas possam ter conhecimento e utilizá-la.

Ao fim desse post, esperamos que tenha adquirido conhecimento sobre o Interview Warmup e que consiga desenvolver suas habilidades e praticar para processos seletivos. Se você já utilizou, conta aqui nos comentários quais foram suas impressões!

Esse post contou com a colaboração da Estagiária Voluntária Adriana Luisa, acadêmica de Relações Internacionais pela UFGD.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here