O Mercado de Trabalho para os Analistas Internacionais no Sul do Brasil

0
2790
Quando comecei o blog, há dois anos, meu público era formado basicamente pelos meus amigos e colegas de Relações Internacionais da PUCMINAS. Quase somente mineiros.  Aos poucos, os amigos dos amigos foram chegando (alguns nem são de RI, mas gostam do tema). Depois criei a página no Facebook e a conta no twitter. De repente tinha gente de todos os cantos do mundo por aqui.
Por mais acessos que tenha de vários lugares, depois dos leitores mineiros, o Sul do país tem forte presença aqui no blog. Seja comentando os posts, enviando dúvidas, e-mails, mensagens, e tudo mais que a comunicação permitir. Fico muito feliz com este feedback pois é através dele que posso postar aqui aquilo que realmente interessa aos leitores. Além disso, acredito que muitas dúvidas são comuns a todo analista internacional ou aspirante à carreira.
Por este motivo, decidi fazer um post especial dedicado aos leitores do Sul do Brasil: Rio Grande do Sul (RS), Santa Catarina (SC) e Paraná (PR), no intuito de poder responder às várias de suas dúvidas e trazer mais informações sore o mercado de trabalho nesta região do país.
Embora seja um post especial focado na região, vale ressaltar que os leitores mais atentos, podem se basear nas dicas e nas fontes que utilizei para pesquisa e buscar informações sobre seus estados. Logo, recomendo a leitura deste texto a todos os (futuros) colegas analistas internacionais.
Além do forte mercado consumidor interno, a região é conhecida pelas fortes atividades exportadoras, consequente de sua sólida e crescente cultura industrial e agropecuária, o que é facilitado especialmente devido aos seus famosos portos de Paranaguá (PR), Imbituba, Laguna, de São Francisco do Sul, Itajaí e Itapoá (SC) e de Rio Grande e Porto Alegre (RS). Por esta razão, é natural que apareçam muitas vagas na área de importação e exportação, logística, vendas, trading e negócios, com salários que podem variar entre R$800,00 a R$9.000,00 Reais.
Além disso, a região possui uma ótima malha ferroviária, rodoviária e a Bacia Platina que, além do transporte é responsável pela maior fonte de energia elétrica do país e região platina, em função da Usina Hidrelétrica de Itaipu. Logo, é inevitável que a indústria de automóveis e a indústria naval ofereça muitas vagas de emprego.
Se estas informações estiverem corretas (sou mineira, e por isso pesquisei grande parte do que está escrito aqui), os leitores do sul já estão cansados de saber disso. No entanto, elas são muito relevantes na definição das características do mercado de trabalho para os analistas internacionais. Tudo isto porque, as características econômicas e políticas de determinado local, associado ao empreendedorismo individual e qualidade da infraestrutura disponível, basicamente definem o seu mercado.
Mas então, quais são as opções de carreira que o Sul nos apresenta? Para responder a esta pergunta acho sempre importante começar pesquisando os governos locais (estado e prefeituras, especialmente das capitais) e ver qual o foco de suas secretarias de desenvolvimento econômico. A partir daí, dá para se ter uma melhor ideia das áreas, e depois seguir para os setores público, privado, terceiro setor, diplomacia, e etc. Para facilitar a leitura, a partir de agora irei tratar dos três estados separadamente.
 
RIO GRANDE DO SUL
 
bandeira-rs
O Rio Grande do Sul, por exemplo, possui uma Secretaria de Relações Internacionais (http://www.relinter.rs.gov.br/), com áreas voltadas para a Integração Latino-Americana, Núcleo de Fronteira RS, Políticas de Cooperação, e Relações Consulares, abrindo espaço para os analistas internacionais com interesse em focar a carreira no setor público, ou mesmo trabalhar puramente com RI focando nas áreas de cooperação, planejamento, políticas públicas, entre outras.
Além disso, segundo a Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção ao Investimento (AGDI-http://www.sdpi.rs.gov.br/?model=conteudo&menu=853#pagdi) os principais setores da economia, que recebem incentivos para investimento são: Indústria Oceânica e Polo Naval, Reciclagem e Despoluição, Equipamentos para Indústria de Petróleo e Gás, Calçados e artefatos, Eletroeletrônica, Automação e Telecomunicações, Software, Petroquímica, Produtos de Borracha e Material Plástico, Madeira, celulose e móveis, Bens de Capital/Máquinas, Equipamentos e Implementos Agrícolas e Industriais, Automotivo e implementos rodoviários, Agroindústria, Indústria da Criatividade, Saúde Avançada e Medicamentos, Energia eólica, Semicondutores, Biocombustíveis.
A partir daí, acredito que seja possível vislumbrar infinitas possibilidades de carreira no setor privado, atuando fortemente com pesquisa de mercado, importação e exportação (não necessariamente Comex), negócios, traders, e etc. Importante também tomar conhecimento das principais multinacionais instaladas no Estado que, frequentemente, oferecem oportunidades de ingresso em seu quadro de funcionários através de processos seletivos de trainees: John Deere, Porcelanas Vista Alegre, Sonae, Dell, HP, ThoughtWorks, Alstom, entre outras.
Mas se o seu desejo é seguir o viés diplomático, aqui também é o seu lugar: o Itamaraty possui um escritório em Porto Alegre, o ERESUL, comandado pelo Exmo. Embaixador Claudio Maria Henrique de Couto Lyra. Sim, para trabalhar aqui, só passando no Instituto Rio Branco (a menos que seja uma vaga de estágio). Outra opção, para aqueles não dispostos a encarar o concurso, são as representações diplomáticas de outros países, como Consulados e Organismos Internacionais. Para aqueles que têm interesse em atuar no MERCOSUL, o sul do país como um todo é uma ótima opção.
PARANÁ
 
bandeira-parana
 
Segundo o ex Ministro-chefe do Escritório de Representação do Ministério de Relações Exteriores no Paraná (EREPAR), Sérgio Couri, “o Paraná é um estado vocacionado para as Relações Internacionais”. Historicamente, o estado foi palco de grandes atuações do Barão do Rio Branco, quando da incorporação das Cataratas do Iguaçu ao território brasileiro. O estado também recebeu muitos estrangeiros, oriundos da Ucrânia, Polônia, Itália, Alemanha e Japão, o que o torna culturalmente bastante diversificado.
Assim como o Rio Grande do Sul, possui um escritório de Representação do Ministério das Relações Exteriores, o EREPAR, representado hoje pelo Exmo. Embaixador Sérgio Luiz P. Bezerra Cavalcanti, em Curitiba, garantindo a oportunidade de se atuar como diplomata na região. (Ressaltando novamente a necessidade de se prestar concurso para o Rio Branco para atuar profissionalmente neste escritório).
O Paraná conta também com diversas entidades e organismos do setor internacional, tais como: o Centro Internacional de Negócios (CIN – http://www.cinpr.org.br/), o Conselho de Comércio Exterior da Associação Comercial do Paraná (http://www.acpr.com.br/site/), a Assessoria Internacional da Universidade Federal do Paraná (http://www.internacional.ufpr.br/) , Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento (LACTEC – http://www.lactec.org.br/pt/)  e o Instituto de Tecnologia do Paraná (TECPAR – http://portal.tecpar.br/)  ambos desenvolvendo projetos com parceiros externos, a Itaipu Binacional (turismo e meio ambiente – http://www.itaipu.gov.br/) . Vale ressaltar ainda que algumas cidades do estado possuem suas próprias Secretarias de Relações Internacionais, a saber: Curitiba, Londrina, Maringá, Foz do Iguaçu, Cascavel e Guarapuava.
Importante ressaltar também, para aqueles que desejam trabalhar no setor público, que o  Estado já realizou inúmeras Missões Internacionais à Buenos Aires, Córdoba, Rosário, Montevidéu, Santiago e Assunção, reforçando as oportunidades de mercado para os interessados em investir em uma carreira voltada para o MERCOSUL.
Não poderia deixar de mencionar também o fato de Curitiba ser referência internacional em planejamento urbano, o que por si só atrai a atenção de diversos países à cidade, sendo também uma possível área de atuação para os analistas internacionais.
De acordo com o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (IPARDES- http://www.ipardes.gov.br/), no estado do Paraná, os seguimentos predominantes da economia são: alimentos, refino de petróleo e veículos automotores, responsáveis por aproximadamente 52% do valor da transformação da indústria estadual. Além disso, o ecoturismo e atividades relacionadas à sustentabilidade são áreas muito desenvolvidas no estado. Empresas como Volvo, Audi, Cargill, Novozymes, Norsk Skog, entre outras grandes multinacionais estão presentes no Paraná e muitas delas oferecem processos seletivos para trainees e outras oportunidades de se fazer carreira.
Por abrigar o maior porto do sul do país, as áreas de logística e comércio exterior apresentam muitas oportunidades de emprego, com vagas para analista de importação e exportação, assistente de desembaraço aduaneiro, atendimento ao cliente internacional, consultor de imigração, entre outras, com salários variando de R$1.000,00 a R$5.000,00 Reais. Os principais países que compraram produtos paranaenses no último ano foram China e Argentina.
SANTA CATARINA
 
bandeira-sc
De acordo com a própria Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais (http://www.pmf.sc.gov.br/entidades/seai/), órgão da Administração Municipal Direta, suas atribuições são: “coordenar e gerir as ações relativas a assuntos de níveis internacionais vinculados à Prefeitura Municipal de Florianópolis, atuando na inserção em blocos econômicos internacionais, na criação de projetos vinculados a cidades irmãs, firmando convênios e principalmente coordenando os negócios da prefeitura em âmbito internacional. Por ser uma Secretaria Executiva, e não Municipal, é vinculada e subordinada ao Gabinete do Prefeito, conforme organograma da Lei que a originou”.
O site, infelizmente ainda não possui muitas informações relacionadas ao trabalho desenvolvido pela Secretaria, mas para aqueles interessados em atuar na área, sugiro entrar em contato por telefone e levantar as informações desejadas. Seria ainda mais interessante se alguma universidade local desenvolvesse uma parceria com este órgão para desenvolver um programa de estágio visando efetivações no mercado de trabalho. Lembrando que, muitas vezes, os organismos públicos não oferecem os melhores salários, mas proporcionam um excelente networking.
A economia do Estado é baseada principalmente em atividades de agricultura, pecuária, pesca, turismo, extrativismo e indústria, esta última contemplando grandes nomes como: WEG, EMBRACO, SADIA, PERDIGÃO, CONSUL BRASTEMP, BUSSCAR, além da criação do polo logístico de saúde em Itajaí, com atração de cinco multinacionais: Sanofi, Teva e Lubrizol, Heraeus Kulzer e SanCor. Com base nestas informações, não difícil imaginar que o Estado ofereça muitas vagas de trabalho nas áreas de importação e exportação, trader, despachante aduaneiro e afins, com salários variando entre R$1.00,00 a R$5.000,00 de acordo com o cargo.
Mas se o seu desejo é seguir o viés diplomático, aqui também é o seu lugar: o Itamaraty possui um escritório em Florianópolis, o ERESC, comandado pelo Exmo. Embaixador Abelardo da Costa Arantes Junior. Sim, para trabalhar aqui, só passando no Instituto Rio Branco (a menos que seja uma vaga de estágio). Outra opção, para aqueles não dispostos a encarar o concurso, são as representações diplomáticas de outros países, como Consulados e Organismos Internacionais. Para aqueles que têm interesse em atuar no MERCOSUL, o sul do país como um todo é uma ótima opção.
CONSULADOS:*
 
PARANÁ:
Consulado Geral da Itália: www.conscuritiba.esteri.it
Consulado da Argentina: R. Benjamin Constant, 67 –Centro Curitiba (41) 3222-0799
Consulado de Portugal: R. Visc. do Rio Branco, 1358 – Centro Curitiba (41) 3233-4211      
Consulado da Áustria: Av. Cândido Hartmann, 570 – Mercês, Curitiba (41) 3336-1166
Consulado da Espanha: R. Visc. do Cerro Frio, 229 – Novo Mundo, Curitiba (41) 3246-1408
Consulado da República do Chile: Alameda Dr. Muricy, 650 – Centro, Curitiba (41) 3225-1369
Consulado Honorário da França: Av. Fernando Amaro, 154 – 1º andar, sala 13 – Maison de France, Curitiba.
Consulado-Geral do Japão: Rua Marechal Deodoro, 630 – Edifício CCI, 18° andar, Curitiba
SANTA CATARINA:
Consulado General do Paraguai – Consulado de la República del Paraguay
Endereço: Rua Saldanha Marinho, 392 – 6º and. Florianópolis – SC
Telefone: 55 (48) 3216-8933
Consulado da Argentina – Consulado de la República Argentina
Endereço: Rua Germano Wendhausen, 273 – 1ro andar – (atrás do Beiramar Shopping) – Centro – Florianópolis / SC
E-mail: consuladoflor@gmail.com
Telefone : 55 (48) 3024-3035/36
Consulado do Chile
Endereço : Av. Rio Branco, 387 Ed. Rio Branco, 4º andar – Florianópolis-SC
Telefone : 55 (48) 3224-2394
E-mail: conhochilefpolis@hotmail.com
Consulado da Áustria
Endereço : Treze Tilhas
Telefone : 55 :(49) 3537-0101
Consulado da Espanha – Consulado de España > Consulado Honorário da Espanha
Endereço : Avenida Rio Branco, 354 – Sala 806 Ed. Maxim – Centro Florianópolis/ Telefone : 55 (48) 3222-0881
e-mail: consuespsc@netviesion.com.br
Vice Consulado Honorário da Espanha
Endereço : Rua Dona Francisca, 260 – Sala 1508 Ed. DeVille – Centro Joinville/SC Telefone : 55 (47) 3422-2309
Consulado de Portugal – CPEndereço : Rua Av Hercílio Luz , 639, SL 908 – Edificio Alpha Centaury – Florianópolis-SC

Telefone : 55 (48)3225 5586

E-mail: lupi@matrix.com.br

Consulado do Uruguai – CONURU – Consulado República Oriental del UruguayEndereço : Av Rio Branco , 387 – 5to. Andar , Centro Florianópolis SC /

Telefone : 55 (048)3222-3718 / conuruflop@yahoo.com.br

Consulado da ItáliaEndereço : Rua Fernando Machado, 151 -Florianópolis – SC

Telefone : 55 (48) 3223-3077

Consulado Rep. Federal da Alemanha-CRFA – Deutchland –

Endereço : Rua Caetano Deek, 20 10and. s/1005/1006 Blumenau-SC

Telefone : 55 (47)3322-1172 / 99827343

Consulado Rep. Federal da Alemanha-CRFAL- Deutchland –Endereço : Rua Arno W. Dohler, 145 – Bom Retiro Joinville – SC

Telefone : 55 (47) 3322-1172

Consulado da ColômbiaEndereço : Rua Cachoeira, 70 – centro, Joinville – SC

Telefone : 55 (47) 3441-3552 / Fax: 34413800

RIO GRANDE DO SUL
Consulate General Of The United States Of América
Rua Riachuelo, 1257, Centro, Porto Alegre – RS,  (51) 3226-3344
Consulado da Grã BretanhaR Antenor Lemos, 57, Centro, Porto Alegre – RS,  (51) 3232-1414
Consulado da PortugalR Prf Annes Dias, 112, Centro, Porto Alegre – RS,  (51) 3061-5767
Consulado do Peru

Rua Doutor José Montaury, 20 , Centro, Porto Alegre – RS,  (51) 3225-4622

Consulado do LíbanoR Dr Flores, 263, Centro, Porto Alegre – RS,  (51) 3211-2214
Consulado Geral da Alemanha

R. Prof. Annes Dias, 112, Centro, Porto Alegre – RS,  (51) 3224-9255

Não foram tratadas neste post a opção das Câmaras de Comércio pois, em breve farei um post somente sobre elas. De qualquer forma, fica a lista de contatos.
 
CÂMARAS DE COMÉRCIO:*

PARANÁ:Câmara Portuguesa de Comércio no Brasilwww.brasilportugal.org.br/pr/

Câmara de Comércio Brasil-Itália do Paranáwww.italocam.com.br

Câmara de Comércio de Ind. do Brasil Alemanha: www.ahkbrasil.com

CCFB – Câmara de Comércio França Brasil: Av. Cândido de Abreu, 776 – Centro Cívico, Curitiba (41) 3252-9146.

Câmara Venezuelana Brasileira de Comércio e Indústriawww.camaravenezuelana.com.br

Câmara do Comércio e Indústria Brasil Japão do Paraná: Av. Cândido de Abreu, 200 – Centro Cívico, Curitiba (41) 3253-6448.

Brésil | Câmara de Comércio França-Brasil: www.ccfb.com.br/

Câmara de Comércio Árabe Brasileira: www.ccab.org.br/

Câmara de Comércio Sueco-Brasileira – Swedcham: www.swedcham.com.br/

SANTA CATARINA:Câmara Italiana de Comércio e Indústria de SC: www.brasileitalia.com.br

Câmara de Comércio e Indústria Venezuela-Brasil: www.venezuela-brasil.org.br

RIO GRANDE DO SUL:Câmara de Comércio Italiana: www.ccirs.com.br

Câmara de Comércio Italiana-Rio Grande do Sul-Brasil: www.ccirs.com.br  

Britcham: www.britcham.com.br

A CCFB | Câmara de Comércio França-Brasil representação: www.ccfb.com.br/a-ccfb/

*Colaborou nesta seção o Especialista em Relações Internacionais Renato Cunha.

SE VOCÊ TEM ALGUMA OUTRA DICA OU INFORMAÇÃO, COMPARTILHE CONOSCO AQUI!
COMPARTILHAR
Internacionalista, mineira, radicada no Rio de Janeiro desde 2012. Idealizadora/Fundadora do What's Rel? (2011). Business Development Latin America para uma empresa canadense de engenharia, sócia da PAR Consultoria, e grande entusiasta da carreira de R.I. :)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here